Vegetarianismo

XIX

O Valor Medicinal de alguns Alimentos



Nunca será demais lembrar que, muito embora alguns alimentos possuam poderes preventivos e até ajudam a curar, em caso de doença compete ao médico o diagnóstico e prescrever o que entender por melhor para ajudar à cura.

Em todos os casos o regímen vegetariano é muito valioso.

Entre os vários alimentos que têm algum poder curativo como preventivo vamos focar apenas três, entre diversos, como a maçã, o kiwi, as saladas à base de alface, cenoura, beterraba, com cebola, alho e temperadas com azeite, levando umas gotitas de limão como antisséptico em vez do vinagre, o mel, a laranja, a tangerina, o tomate, o agrião, o ananás, o aipo, as uvas, etc, vamos então focar: alho, limão e salsa.

O Alho há muito usado na História da Humanidade como alimento medicamento, lembremos os romanos que o usaram não só como meio de dar vigor aos soldados, mas ainda como preventivo das epidemias motivadas por diversas causas, incluindo as guerras constantes, que infelizmente ainda não desapareceram da face da Terra.

Em nossa opinião o alho ocupa o primeiro lugar entre os alimentos biológicos medicinais.

Há pessoas que têm problemas com este maravilhoso produto; uns, por causa dos seus aromas; bem, comam salsa no fim e já atenua os efeitos que para algumas pessoas são um problema, convenções caducas, preconceitos que urge vencer, mas respeitemos o modo de ser de cada qual; outros porque é indigesto, bem mastiguem-no muito bem ou tomem-no em sumo diluído num suco de maçã por exemplo.

Este maravilhoso produto contem a alicina que o torna como um bom antibiótico natural, sendo útil desde constipações, problemas no aparelho respiratório, circulatório, digestivo, renal, endócrino, nos reumatismos, artrites, gota, etc, em todos os casos, incluindo ajuda à prevenção do cancro e na sua cura. Note-se que o cancro é uma doença com diversas causas e algumas estão no nosso passado. Com isto não vamos pensar que os nossos amigos e amigas que estão sofrendo ou morreram com esta terrível doença sejam piores que nós; o dia de amanhã só Deus o sabe. Jamais devemos julgar seja quem for, mas ver a nossa tranca.

A nossa é grande.

Em resumo: o alho é além de antisséptico, antipútrido, vermífugo, como tónico, útil nas epidemias.

Também o limão é outro produto maravilhoso, poderoso purificador como o alho. Há pessoas que não toleram o limão e o alho, mas ou se trata de casos em que os organismos estão enfermos, muito intoxicados, daí a reacção, ou pode haver algum outro problema a nível do fígado, etc. Contudo usado com prudência, jamais às refeições cozinhadas, habituando devagar, começando com algumas gotas diluídas em água, seguindo consoante a evolução individual, pode dar bons frutos, tanto nas gripes, como para limpar e melhorar a circulação. Há quem defenda que o limão porque tem ácido cítrico é um produto que não deve ser usado no reumatismo, etc. Cuidado, nós sabemos por experiência própria que é curativo nesse caso, como em outros. Mas cada caso é um caso. Por isso, cada pessoa deve ver bem o que usar, como e quando.

A Salsa é o outro produto que escolhemos. Aqui não abusar, como em tudo, mas mais com a salsa.

As mulheres grávidas jamais devem comer salsa.

Trata-se de um produto com efeitos benéficos em diversos aparelhos e órgãos. Incluindo é útil para as depressões, muito útil para o aparelho endócrino e está sendo usado nos doentes cancerosos.

Usemo-la como preventivo e purificadora, vitalizante.

 

[ Vegetarianismo ]