Placas Toponímicas


Rua onde vivemos parte da infância e da juventude com os meus queridos pais, em Alagoa, Vila Facaia, Pedrógão Grande, tem, agora o meu nome na placa toponímica.

 

Numa bela região do pinhal interior de Portugal, cheia de vida natural e de património cultural, esperando por uma nova onda de fixação das pessoas, o que irá suceder, e numa encosta de uma montanha, filha da serra da Lousã, está Alagoa, povoação, cujo topónimo tem origem hebraica.

 

Uma foto histórica, onde se vêem as casas dos meus pais, desde a principal, a branco, e outras de lado, muito antigas, casas de arrecadação, etc.

 

Foto datada de 2011, o cimo da localidade, de autoria de minha querida esposa, Maria Amélia, a quem muito devo.


O Executivo da Junta de Freguesia de Vila Facaia, presidido pelo meu amigo José David, que o foi também de meu pai, tendo como secretário o jovem e dinâmico engenheiro Bruno Gomes e como tesoureira, Jacinta Paes, e após uma opinião apresentada pelo meu amigo Agostinho David, deliberaram alterar a placa ALTO DE ALAGÔA, nome que tinha sido mal colocado, na medida em que ele diz respeito, a um sítio que fica acerca de 300 metros da histórica povoação e por diversos motivos, entre eles:

  1. Ser um escritor com vasta obra publicada, reconhecida em Portugal e noutros países, neste momento, duas das suas obras estão traduzidas em espanhol;

  2. Ser um exemplo para todos nós e especialmente para os jovens;

  3. Ter contribuído com numerosos exemplares, não só dos seus livros, como de muitos outros, para a Biblioteca da Freguesia;

  4. Ter feito um donativo para a aquisição do terreno onde vai ser instalado o Ecomuseu.

 

Após essa deliberação foi apresentada esta sugestão à Comissão da Toponímia do concelho de Pedrógão Grande que a aprovaria.

Seguidamente, o Executivo Camarário presidido pelo Dr. João Marques deliberou positivamente.

Pedrógão Grande deve muito ao Dr. João Marques, deixa uma valiosa obra em várias áreas e a sua Autarquia com um saldo positivo, um exemplo para a maioria dos concelhos.


No dia 5 de Julho de 2013, abrindo o Programa das Festas teve lugar na Sede da Junta a apresentação dos meus livros Contos e Tradições nas Quatro Estações e Pintura com Palavras - III Tomo, ambas publicadas pela CHIADO EDITORA.

José David acabando de pronunciar palavras de amizade, de realismo, no final do seu mandato em que deixa uma obra importante. A seu lado Jacinta Paes e o autor.

 

A Sala das Reuniões de Junta estava cheia, apesar de estar um dia de calor muito intenso.

De seguida apresentamos algumas notas sobre alguns contos, um deles ligado à região e não só; sobre um poema em honra da Freguesia de Vila Facaia, etc.


Dando autógrafos.

 

Alguns dos presentes deram-nos a honra de acompanhar até ao local onde teria lugar o descerrar da placa toponímica com o meu nome.

 

Com os Presidentes da Junta e da Câmara Municipal, respectivamente, José David e Dr. João Marques, vendo-se fotografando o meu amigo Carlos Santos, Chefe da Redacção do jornal A COMARCA.

 

Os meus profundos agradecimentos.

Fiquei com maior responsabilidade perante a localidade onde muito aprendi sobre a vida rural, onde retenho muitos bons momentos, na Freguesia e no concelho, em que recordo que meu querido pai, António Domingos de Carvalho era o sócio número 1 (Um) dos Bombeiros Voluntários de Pedrógão Grande a quem devemos gratidão como a maioria esmagadora dos pedroguenses.

 

No cimo da rua. De realçar que nela estão dados de muito valor, incluindo as coordenadas geográficas do local. Parabéns.

 

Ao fundo, ligando ao Largo da Fonte.

A minha gratidão é enorme, como é a responsabilidade.

Espero ser digno desta honra e da Vossa amizade.

Tudo para Glória de Deus, pois Sem ELE nada sou.


Uma aldeia do xisto esperando por si.

Outra placa em Alagoa que reflecte a fé dos seus habitantes.

Convite para as Festas em honra de Santa Catarina, onde consta a apresentação dos meus livros. Houve ainda um convite especial para o descerrar da placa.